Como ser modelo

Como ser modelo

Desfilar, nas melhores passarelas, para as marcas mais famosas do universo da moda e aparecer nas fotografias dos jornais e das revistas mais lidos do setor apresenta-se, geralmente, como o sonho de muitos modelos. Mas, ainda será assim a realidade da indústria da moda? Talvez, mas numa perspetiva mais abrangente. Hoje, o mundo da moda não é feito apenas de glamour e flashes. Logo, todos aqueles(as) que partilham esse sonho em ser modelo e que não se enquadram no perfil "high-fashion", não devem desesperar, pois existem muitas outras áreas onde se pode trabalhar com sucesso como modelo!

A indústria da moda precisa de todos os diferentes tamanhos e perfis, desde os modelos que são solicitados para desfilar nas melhores passarelas de New York, Paris ou Lisboa, aos modelos comerciais, tv, publicidade, catálogo e muito mais que não precisam necessariamente de atender aos pré-requisitos de altura, peso, idade, tamanho, etc.

O importante é encontrar o seu nicho, ou seja que tipo de modelo é, e em que área de moda se enquadra melhor, ou se destaca mais. Ser modelo é utilizar os seus melhores atributos para "VENDER" roupa e acessórios de moda, agindo de acordo com o espírito da entidade que representa.

Conheça os diferentes tipos de modelos existentes e descubra em que perfil se encaixa melhor:

  1. Como ser modelo high-fashion

    Este modelo faz trabalhos em passarela e editoriais de moda para os quais se exigem medidas físicas definidas. Não são necessariamente impostas condições de beleza mas, para valorizar e vender o que é apresentado, uma aparência invejável (cabelo e pele bem cuidados) e um rosto interessante ou exótico são necessários para chamar a atenção do público. Um dos pré-requisitos da agência Passarela para este tipo de modelo é:

    • Feminino altura mínima 172 cm.
    • Masculino altura mínima 180 cm.
  2. Como ser modelo editorial

    Muito semelhante ao "modelo high-fashion", o modelo editorial, masculino e feminino, participa em produções fotográficas para capas de revista e editoriais de moda (Elle ou Vogue por exemplo). Os pré-requisitos para ser modelo editorial aproximam-se dos que são apresentados ao modelo de passarela, acrescentando as caraterísticas fotogénicas e o saber posar para as câmaras fotográficas.

  3. Como ser modelo comercial tv

    Para ser modelo comercial de tv, não é preciso obedecer a nenhum critério de altura, tamanho e/ou idade, já que cada comercial requer alguém diferente e específico para o trabalho a realizar. Em princípio, é necessário ter alguma habilidade de interpretação, capacidade que se pode ter como talento natural ou que se pode adquirir. Há muitos tipos diferentes de comercial de tv, que vão desde o estilo fotográfico altamente estilizado até ao estilo imitação da realidade. A grande vantagem para o modelo comercial tv reside no facto de as diferentes marcas procurarem, constantemente, modelos que levem o público a identificar-se com os produtos publicitados. Motivados por esta razão, muitos modelos sentem que têm algo que os pode levar a trabalhar neste setor.

  4. Como ser modelo plus size

    Atualmente, a indústria da moda e os media têm alargado os antigos padrões de beleza, e o estereótipo de modelo de passarela alto e magro deixou de ser o único aceite. Outros biótipos estão a ganhar, cada vez mais, as passarelas e os ensaios fotográficos. Assim, os modelos plus size ou "tamanhos grandes" (como lhes queiram chamar) têm levantado o nome de muitas marcas e empresas que passaram a adotar a diversidade na sua divulgação comercial.

    Os modelos plus size trabalham nos mais diversos segmentos da área. Podem ser solicitados para ensaios editoriais, desfiles de moda, catálogos, provas de modelos, lojas online, figuração, televisão, ou até mesmo para boutiques de moda especializadas em tamanhos grandes. Oferecem enormes possibilidades de trabalho, porque, como realizam trabalhos para um público-alvo com caraterísticas idênticas às suas, são muito solicitados pela indústria da moda.

  5. Como ser modelo catálogo

    Tal como o nome indica, os modelos de catálogo fazem trabalhos para empresas que criam catálogos (impressos ou online) para vender as suas últimas linhas de roupa, calçado, acessórios de moda ou outro tipo de produto. Com a importância adquirida pela Internet, este tipo de modelo é cada vez mais solicitado para promover linhas de produto em lojas online, proporcionando muitas oportunidades de trabalho, o que é bastante lucrativo para muitos modelos. Os pré-requisitos para este tipo de trabalho variam conforme o público-alvo do respetivo catálogo.

  6. Como ser modelo show room

    Este tipo de modelo é contratado para usar roupas, calçado ou acessórios de moda, e mostrá-los numa festa, boutique, exposição, ou mesmo numa feira internacional. O seu trabalho consiste em circular nesses espaços, mostrando da melhor forma o(s) produto(s) que se pretende (pretendem) publicitar. 

  7. Como ser modelo comercial - publicitário

    O modelo comercial-publicitário destina-se a um imenso mercado que engloba todos os tipos de publicidade, (publicidade de produtos como a moda e a beleza em revistas, publicidade de produtos em prateleiras de supermercado, outdoors, mupis, montras de lojas, autocarros...). Como a publicidade impressa se destina a um público que varia consideravelmente, as oportunidades de trabalho neste setor multiplicam-se uma vez que todas as marcas procuram, naturalmente, atrair e representar as pessoas que comprarão os seus produtos.

  8. Como ser modelo promocional

    É um modelo que poderá trabalhar em feiras, convenções ou salões, onde o objetivo é exibir determinados produtos, distribuir panfletos, informativos ou publicitários, aquando da realização de grandes exposições, ou outros eventos. É também, um tipo de trabalho que permite um excelente ponto de partida para modelos no início de carreira.

  9. Como ser modelo especializado

    Em geral, este tipo de modelo tem uma parte do corpo excecionalmente bela: pés, mãos, lábios, pescoço, torso ou cabelo. Como os modelos exibem exclusivamente o elemento corporal que se adequa ao produto a publicitar: sapatos, meias, verniz, etc., esta é, sem dúvida, uma área dentro da profissão que vale a pena ser considerada, já que se pode tornar bastante lucrativa.

  10. Como ser modelo real people

    Se sonha com a possibilidade de ser modelo e o seu perfil não se encaixa em nenhuma das categorias supracitadas, o Modelo Real People (modelo da vida real) poderá servir para si. É uma categoria de modelos solicitada em propagandas ou campanhas corporativas quando as companhias procuram representar pessoas comuns do dia a dia. Podem participar em programas de televisão ou em filmes, onde desempenham, geralmente, o papel de figurantes.